O grande escape SSH

Um aspecto do SSH que facilitam muito as coisas quando você abre uma conexão, inicia uma série de jobs e percebe que precisa de encaminhar uma porta através da sesão atual. A resposta é usar uma seqncia de escape enquanto conecta ao SSH para trocar certas configurações sem necessidade de reconexão.

Uma seqüência de escape é justamente uma série de caracteres que instrui a utilidade do que você está usando (neste caso o SSH) para escapar do que está fazendo e executar uma tarefa de utilidade específica. O que é preciso é de uma seqüência de escape enquanto usa o shell. A seqüência de escape mais útil para SSH é executada quando você digita o til (~), seguido do C maiúsculo. Você não verá nada na sessão até que você complete a seqüência de escape até que o ponteiro do terminal será modificado para ‘ssh>’. Isto significado que você foi enviado para a linha de comando SSH. Daqui você pode se conectar a uma porta na máqina remota por uma porta da máquina local e criar um túnel entre os dois através da conexão segura SSH.

Você pode usar esta técnica para criar um túnel para os dados de um servidor proxy Squid através do SSH para uma porta local na sua máquina remota usando o argumento -L, então digitando -L8089:localhost:3128 criariao túnel Squid da porta 8090 sem precisar reiniciar a sessão SSH. Você também pode encaminhar portas usando a seqüência ~# e cancelar portas encaminhadas digitando -Krhostport. Para cancelar o túnel Squid que acabamos de criar, digite -KR3128.

Mais em Truques de linha de comando.

1 pensamento em “O grande escape SSH”

Deixe uma resposta