Tropeçando 24

Brasileiros aderem ao DDA :: Blog do PagSeguro

GCC 4.5.0

“Design Centrado no Usuário” ou “Design Centrado no Designer”? ≈ Revolução Etc

Curso gratuito de desenvolvimento para web – WaSP Interact ≈ Revolução Etc

The Linux Mint Blog » Blog Archive » Mint 9: An overview of the new features

Blog do Márcio d’Ávila » Maioria das empresas ainda não sabe lidar com aumento de dados

Sua Língua » Arquivo » tuitar

Linux: Alterado o MTU no modem D-LINK dsl-500B [Dica]

fechaTag – Desafio de programação: resolvendo Lights Off

Blog do Márcio d’Ávila » Aplicações Internet Ricas e Acessíveis

Detectando o iPad com PHP e Javascript « Igor Escobar // Blog

Tropeçando 20

Activate Remote Desktop REMOTELY!!! | commandlinefu.com

Site lista fatos (sic) sobre Richard Stallman

“Depois dos fatos sobre Chuck Norris, sobre Zé Mayer e, mais recentemente, sobre Sonia Abrão, eu descobri acidentalmente um site que lista os Fatos sobre Richard Stallman. Segundo a página, a idéia surgiu depois de o bom doutor ter dito que ele usava o wget para navegar na Internet usando um daemon para enviar-lhe as páginas por e-mail.”

PHP é à quinta-feira – 50 dicas sobre desempenho e segurança | Peopleware

Howto access ext3 partition from Windows | Ubuntu Geek

This tutorial will allow you to access your ext3 partition under Windows, using Sun VirtualBox and Ubuntu.
The tutorial is pretty long due to the images, but they explain things easier sometimes (they are not just meaningless screenshots) (forgive me for your scroll button 😛 )

Upload Pie – The Simple Image Sharing Tool

Compartilhamento de arquivos com data de vencimento

Mantis Bug Tracker

Gerenciamento de erros

TIOBE Software: Tiobe Index

Índice de relevância das linguagens na internet. As linguagens mais discutidas atualmente.

Tropeçando 19

Scripturae Publicações

Encoding from AVI to MPEG format | commandlinefu.com

O mistério da porta 25: por que provedores bloqueiam o acesso?

Ikea Job Interview » CrisDias weblog

Usando o nome da rede wifi para mandar recados para os vizinhos » CrisDias weblog

E Se a Veja Fosse Publicada no Universo Star Wars? « Eu Podia Tá Matando

Color Scheme Designer 3

Esquema de cores com código HTML

Ninite Easy PC Setup – Download/Install Multiple Programs Fast

Faça um pacote dos seus programas mais usados para instalar facilmente em uma nova máquina.

Ketarin – keep your setup packages up to date

Instalação de programas a granel. É permitido até mesmo instalação offline.

Marc Fleury, fundador do JBoss, critica a campanha de Monty Widenius para “salvar” o MySQL

Monty Widenius, cuja empresa vendeu o MySQL para a Sun, há algumas semanas vem travando uma longa e ruidosa batalha para tentar convencer entidades regulatórias a de alguma forma impedir que a Oracle adquira o MySQL junto no momento em que se concretize a aquisição da Sun por ela.

Microsoft reconhece bug do Windows que existe há 17 anos | Gizmodo Brasil

sso que é procrastinação! Ou melhor, ignorância sobre uma falha básica do próprio sistema operacional por quase duas décadas: um engenheiro do Google descobriu recentemente uma vulnerabilidade no kernel 32-bit do Windows — vulnerabilidade que existe desde 1993.

[Lifehacker] Teste de velocidade de navegadores: os resultados Windows 7 | Gizmodo Brasil

Teste com Chrome, Firefox 3.6 e Firefox 3.5.4

OpenShot 1.0: editor de vídeo em código aberto

Por que proxy não transparente é melhor que o transparente | lucianopinheiro.net

A explicação simples é a de que, além de ser mais seguro, o proxy não transparente usa o recurso do cache de DNS. Para a explicação detalhada, leia o post:

Perigo à Vista

Li, no iMasters, que Jeff Raikes, diretor da área de negócios da Microsoft, disse: “Se quiser piratear, preferimos que seja os nossos produtos antes que qualquer outro. A longo prazo, é essencial termos uma boa base de consumidores que utilizem nossos produtos. Com o tempo, eles podem comprar o software de forma legal”, alegango que o programa de Vantagem para Windows Genuíno (Windows Genuine Advantage) tem como objetivo estimular a compra do programa original e não coibir o uso do pirata. Não é o que tenho visto.

Toda atualização, ou baixa de programa, agora é precedida pelo programa de verificação de originalidade, ou seja, quem tem o sistema não-original não atualiza mais seus sistema operacional (que a cada dia tem uma falha ou brecha descoberta) nem pode atualizar algum programa (como o Internet Explorer 7, por exemplo). Não quero defender nenhum lado, apenas observar o que considero o caminho natural daqui para a frente.

O amplo uso do computador como ferramenta de trabalho (“ele pode ser nosso maior aliado”, ouvi e concordei com um vídeo), muitos profissionais estão tendo um conhecimento a mais sobre o funcionamento dessa máquina. O Windows Vista vem apertando o cerco no que se refere ao uso do programa pirata, mesmo com as notícias de quebra que vemos atualmente, pois são todas alternativas de uso temporário. Com mais conhecimento do funcionamento de seus computadores pessoal, será natural a procura por alternativas e é aí que entram as distribuições (falo das distribuições Linux, que são as que conheço) que sofreram grande desenvolvimento nos últimos tempos.

Ela ainda exigem um certo conhecimento maior do que o habitual ligar-abrir-o-ie-entrar-no-sistema-fechar-tudo-desligar, mas já não é mais um mistério total. Hoje, com conhecimentos medianos de uso de um computador (o que cresce a cada dia) já é possível instalar uma distribuição Linux voltada para o uso de estações com grande facilidade, com a maravilhosa característica dos programas de código-aberto: não precisar pagar para utilizá-lo.

O que as distribuições Linux têm oferecido aos que resolvem embarcar nessa tentativa, até mesmo com máquinas modestas, é fascinante. Um exemplo da distribuição que tenho mais contato, o Ubuntu (pronuncia-se Ubúntu): para os acostumados com o Windows e suas janelas, ele traz janelas da mesma forma; para os ligados na facilidade das instalações de programas, há agora um método ainda mais fácil do que o atual Próximo > Próximo; para os que gostam de personalização da estação, há magníficas opções 3D; e por aí vai.

Nem todos continuarão, mas creio fortemente que muitos trilharão o caminho de sistemas operacionais alternativos, que, hoje, já não é privilégio de um conhecedor profundo de computadores, mas está à mão de usuários normais que conhecem um pouco além do básico. E normalmente não tem desapontado aos que se aventuram por um sistema lhe permite usar a inteligência. O Ubuntu já é bem familiar para os usuários de Windows e não imporá dificuldades, porém poderá se tirar muito mais se estudar um pouquinho sobre seu funcionamento, ainda mais porque é farto o material gerado pelas perguntas frequentes (e é gigantesco o prazer com que são respondidas).

É certo o desenvolvimento que será adquirido com o desafio. E a alegria com o seu crescimento.

Relacionados